O lado B

Você pode se assustar com seus pensamentos. Você pode fingir que realmente passaram sem querer por sua cabeça, que nunca teve a intenção de pensar em nada do gênero. Você também pode se fingir de santo e você, mocinha, de recatada, pode orgulhar-se até ao fingir que nunca teve desejo algum e que nunca, em nenhum momento, qualquer pensamento lascivo tenha lhe ocorrido. Você pode fingir-se de puro e imaculado. Você pode ignorar seus pensamentos sombrios como se não fossem obra exclusivamente sua, como se fossem coisa do “diabo”, pois você, (ahhh!) você sempre foi inocente. Mas a verdade ululante é que você, você, sim, que posa de bom moço, que vende seu manual de moralidade, que alardeia aos quatro ventos que é impecável, pois é você mesmo, eu lhe digo, meu amigo, você também tem seu lado negro, seu lado de sombra. E quer saber mais? Sem conhecer esse lado, você só perde tempo.

O Homem que não atravessa o Inferno de suas Paixões também não as supera. Carl Gustav Jung

Anúncios
Esse post foi publicado em Acordar. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s